‘Cartas da Guerra’ de Ivo M. Ferreira é o filme candidato de Portugal ao Óscar

cartas-da-guerra_oscar-2017

A Academia Portuguesa de Cinema anunciou esta terça-feira que, ‘Cartas da Guerra’, de Ivo M. Ferreira, é o filme que irá representar Portugal na candidatura à nomeação para o Óscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira, na 89ª edição da Academia Americana de Artes e Ciências Cinematográficas. A produção foi também escolhida como candidata ao Prémios Goya, na categoria de Melhor Filme Ibero-Americano, da Academia Espanhola de Cinema.

Ivo Ferreira e Edgar Medina escreveram o argumento, baseado no livro “D’este viver aqui neste papel descripto — Cartas da Guerra”, de António Lobo Antunes, onde narra as missivas enviadas à mulher durante a guerra colonial em Angola.

Miguel Nunes, Margarida Vila-Nova, Ricardo Pereira, João Pedro Vaz, João Luís Arrais e Tiago Aldeia protagonizam os principais papéis.

‘Cartas da Guerra’ fez a sua estreia na competição oficial do Festival de Berlim, passou pelo IndieLisboa e pelos festivais de Sidney e Sarajevo. Está em exibições nas salas portuguesas desde o dia 1 de setembro.

No ano passado, a Academia Portuguesa de cinema escolheu o filme de Miguel Gomes, ‘As Mil e Uma Noites, Volume 2: O Desolado‘, que não conseguiu integrar os cinco finalistas.

A 17 de Janeiro de 2017, serão revelados os nove candidatos pré-seleccionados e a 24 do mesmo mês, a lista final dos cinco filmes candidatos ao Óscar. Na última edição, a estatueta dourada foi para ‘O Filho de Saul’, de László Nemes, representante da Hungria.

A cerimónia da 89ª edição de entrega dos Óscares realiza-se no dia 26 de fevereiro de 2017, enquanto a 31ª Edição dos Prémios Goya está prevista para o dia 4 de fevereiro de 2017, em Madrid.

Veja  o trailer de ‘Cartas da Guerra’:

BIGTheme.net • Free Website Templates - Downlaod Full Themes