Medeia Filmes vai homenagear o falecido ator suíço Bruno Ganz no Porto e em Lisboa

Medeia Filmes homenagem a Bruno Ganz

A Medeia Filmes vai homenagear o falecido ator suíço Bruno Ganz (1941–2019) com um ciclo no Teatro Campo Alegre, no Porto, de 21 a 27 de fevereiro, e um programa especial no Espaço Nimas, em Lisboa, agendado para a próxima segunda-feira, 25 de fevereiro.

Ganz morreu no passado dia 16, aos 77 anos, e impressionava com a sua representação nos papéis principais, como nos secundários. Trabalhou com grandes realizadores, de diversas cinematografias, como Wim Wenders, Theo Angelopoulos, Francis Ford Coppola, Alain Tanner, Werner Herzog e Jonathan Demme. Ficou também conhecido por interpretar Hitler no filme “A Queda: Hitler e o Fim do Terceiro Reich (2004)”.

O ator, que foi visto nos nossos cinemas em janeiro deste ano em “A Casa de Jack” (The House That Jack Built), não chegou a ver o seu último trabalho nos cinemas, o drama biográfico de guerra, “Radegund”, de Terrence Malick, filme que provavelmente estreará ainda este ano.

O programa especial no Nimas encerrará com a projecção, em cópia 35mm, do filme “A Cidade Branca (1983)”, seguida de uma conversa com o produtor Paulo Branco e a actriz Teresa Madruga, que falarão do trabalho com Bruno Ganz, ator que neste filme interpretou Paul, um marinheiro suiço que deambulava por Lisboa.

Confira a programação completa da homenagem “Bruno Ganz – O Anjo das Histórias”:

TEATRO CAMPO ALEGRE (PORTO)

21/fevereiro (quinta-feira) – às 18:30 h e 22h
– “A Cidade Branca”, de Alain Tanner (1983)

22/fevereiro (sexta-feira) – às 18:30 h e 22h
– “A Mulher Canhota”, de Peter Handke (1978)

23/fevereiro (sábado) – às 15:30h e 22h
– “As Asas do Desejo”, de Wim Wenders (1987)

23/fevereiro (sábado) – às 18:30h
– “Sob Céus Estranhos”, de Daniel Blaufuks (2002)

24/fevereiro (domingo) – às 15:30h e 22h
– “O Amigo Americano”, de Wim Wenders (1977)

24/fevereiro (domingo) – às 18:30h
– “A Poeira do Tempo”, de Theo Angelopoulos (2008)

25/fevereiro (segunda-feira) – às 18:30 h e 22h
– “A Eternidade e um Dia”, de Theo Angelopoulos (1998)

26/fevereiro (terça-feira) – às 18:30 h e 22h
– “Amnésia”, de Barbet Schroeder (2015)

27/fevereiro (quarta-feira) – às 18:30 h e 22h
– “A Casa de Jack”, de Lars von Trier (2018)

ESPAÇO NIMAS (LISBOA)

25/fevereiro (segunda-feira)
14:00h – “A Mulher Canhota”, de Peter Handke (1978)
16:30h – “As Asas do Desejo”, de Wim Wenders (1987)
19:00h – “A Cidade Branca”, de Alain Tanner (1983)
Projecção seguida de conversa com o produtor Paulo Branco e a actriz Teresa Madruga.

Artigos relacionados