Lorenzo di Bonaventura revelou que poderá desenvolver uma prequela de “Samitério de Animais”

Prequela do filme Samitério de Animais

Após a estreia mundial no festival South by Southwest de “Samitério de Animais” (Pet Sematary), a mais recente adaptação do livro de Stephen King, o produtor Lorenzo di Bonaventura revelou numa entrevista ao site Consequence of Sound que um regresso a Ludlow, no Maine, não está fora de questão, mas na forma de prequela.

“Geralmente não começo a pensar nessas coisas [sequelas] até que sejam um sucesso”, admitiu Bonaventura, afirmando: “Acho que, se há algo aqui, é uma potencial prequela. Se olhar para o livro, nós não contamos todas as coisas que acontecem antes da família Creed mudar-se. Estou particularmente interessado em fazer isso, porque, é o material de origem e que nos leva a algo com muita loucura e sentimentos arrepiantes.”

A cidade de Ludlow é rica em contos, principalmente através do personagem de Jud Crandall, que é retratado por John Lithgow neste novo filme. De Timmy Batterman ao boi enterrado, passando pelo próprio cachorro de Jud e ao indescritível Wendigo à espreita na floresta, há reconhecidamente uma grande quantidade de material de origem.

“Samitério de Animais” só estreia nos cinemas portugueses a 4 de abril e sobre uma possível sequela, Bonaventura foi peremptório: “É melhor não seguir esse caminho”.

Dirigido pela dupla Kevin Kölsch e Dennis Widmyer, o elenco principal é constituído por Jason Clarke, John Lithgow e Amy Seimetz.

Artigos relacionados