James Gunn vai escrever o guião e possivelmente dirigir “Esquadrão Suicida 2”

James Gunn vai escrever e poderá dirigir Esquadrão Suicida 2

James Gun, realizador dos dois primeiros filmes da franquia “Guardiões da Galáxia”, vai escrever o guião e possivelmente dirigir a sequela de “Esquadrão Suicida”, saltando do UC da Marvel para a DC Comics/Warner Bros. Pictures, segundo informações divulgadas pela imprensa especializada de Hollywood.

O estúdio vinha a desenvolven a continuação do filme de anti-heróis com Gavin O’Connor (The Accountant – Acerto de Contas), mas segundo o portal Variety, o realizador já não está mais envolvido no projeto.

A mesma fonte adianta que o filme terá uma visão completamente nova e que não será uma sequela direta do filme realizado em 2016 por David Ayer, que apesar de não ter sido muito bem recebido pelos fãs e crítica, arrecadou nas bilheteiras mundiais mais de 746 milhões de dólares.

Gunn foi demitido da realização do terceiro filme da franquia neste verão, após o ressurgimento de antigos tweets com piada sobre pedofilia. Um dos seus maiores defensores, Dave Bautista, que interpretou Drax nos filmes dos “Guardiões”, escreveu no Tweeter que queria juntar-se a “Esquadrão Suicida 2” para trabalhar com Gunn novamente.

É o regresso do cineasta ao universo de super-heróis, mas desta vez, do outro lado da barricada, uma contratação que mostra os esforços da DC/WB em desafiar os constantes sucessos da Disney/Marvel naquele reino.

“Esquadrão Suicida 2” deverá contar com o regresso do seu elenco principal, nomeadamente, Will Smith, Margot Robbie, Jared Leto e, provavelmente, Dwayne Johnson como Adão Negro.

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *