“Bond 25”: Produção vai arrancar no dia 28 com Rami Malek no papel de vilão

Rami Malek sera o vilão de Bond 25

Em Goldeneye, na Jamaica, o local que pertenceu a Ian Fleming, autor britânico que criou a personagem de James Bond, os produtores Michael G. Wilson e Barbara Broccoli fizeram hoje (25) uma apresentação do novo filme do agente 007, “Bond 25”, e revelaram alguns detalhes sobre o enredo e algumas novidades sobre o elenco.

A produção vai arrancar no próximo domingo, dia 28 de abril, nos Pinewood Studios, no Reino Unido e no exterior de Londres, passando depois por Italia, Noruega e Jamaica. A realização estará a cargo de Cary Joji Fukunaga e contará com Daniel Craig no papel de James Bond pela quinta e última vez.

Uma das novidades foi a confirmação de Rami Malek como o vilão do 25º filme da franquia, que para já ficará sem título oficial durante mais algum tempo. “Vou certificar-me de que o Sr. Bond não tenha um passeio fácil neste sua 25ª aventura”, disse o vencedor do Óscar de Melhor Ator por “Bohemian Rhapsody”, que não esteve presente na apresentação.

De regresso ao elenco estão atores como Ralph Fiennes, Naomie Harris, Léa Seydoux, Ben Whishaw, Jeffrey Wright ou Rory Kinnear, e pela primeira vez, Ana de Armas, Billy Magnussen, Dali Benssalá, David Dencik, Lashana Lynch e o citado Malek.

“Temos um boa viagem para o Sr. Bond”, prometeu a produtora Barbara Broccoli, que deixou mais alguns detalhes sobre o enredo, citando que o filme começará com Bond fora do serviço ativo e de férias na Jamaica. A tranquilidade e paz [de Bond] dura pouco, quando o seu velho amigo Felix Leiter, da CIA, aparece a pedir ajuda. A missão de resgatar um cientista raptado acaba por ser muito mais traiçoeira do que o esperado, levando Bond para o rastro de um misterioso vilão armado com uma nova tecnologia perigosa.

“Bond 25” será lançado nos cinemas em abril de 2020.

Artigos relacionados