Arranca hoje no Caleidoscópio a Mostra de Cinema: Realizadoras Portuguesas

A partir desta sexta-feira (18) e até ao dia 27 de janeiro, vai decorrer no Caleidoscópio da Universidade de Lisboa, no Campo Grande, a Mostra de Cinema: Realizadoras Portuguesas.

Desenvolvida no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e financiada pela Fundação Calouste Gulbenkian, a iniciativa está inserida no âmbito do projeto Portuguese Women Directors, cujo objetivo é apresentar os principais trabalhos de algumas das mais importantes cineastas a trabalhar em Portugal desde o pós-25 de Abril.

As sessões contarão com a presença das realizadoras cujo trabalho será exibido, e serão precedidas de apresentações e seguidas de debates sobre os filmes.

A entrada é livre, mas sujeita à lotação da sala. Confira a programação:

Sexta-feira, 18 janeiro – 21:00 h
– “Yvone Kane”, de Margarida Cardoso (2016, 117’)
Apresentação de Sally Faulkner

Sábado, 19 janeiro – 16:00 h
– “A Filha”, de Solveig Nordlund (2003, 93′)
Apresentação de Ricardo Vieira Lisboa

Sábado, 19 janeiro – 21:00 h
– “Adriana”, de Margarida Gil (1987, 102’)
Apresentação de Ana Isabel Soares

Domingo, 20 janeiro – 16:00 h
– “A Toca do Lobo”, de Catarina Mourão (2015, 102’)
Apresentação de Raquel Ribeiro

Sexta-feira, 25 janeiro – 21:00 h
– “Colo“, de Teresa Villaverde (2017, 136’)
Apresentação de Ana Isabel Strindberg (Portugal Film)

Sábado, 26 janeiro – 16:00 h
– “Rasganço”, de Raquel Freire (2001, 100′)
Apresentação de Hilary Owen

Sábado, 26 janeiro – 21:00 h
– “Natureza Morta”, de Susana de Sousa Dias (2005, 72’)
Apresentação de Tiago Baptista (ANIM-Cinemateca Portuguesa-Museu do Cinema)

Domingo, 27 janeiro – 16:00 h
– “Um Dia Frio”, de Cláudia Varejão (2009, 27’)
– “Balada de um Batráquio”, de Leonor Teles (2016, 11’)
– “Coup de Grâce”, de Salomé Lamas (2017, 25’)
– “Farpões Baldios”, de Marta Mateus (2017, 25’)
Apresentação de Ana David (IndieLisboa International Film Festival)

Artigos relacionados